abaixo a enquete

imagem de zecalixto

abaixo esta falsa enquete colocada neste site.

eu mesmo já votei umas 15 vezes a favor da greve. assim seu resultado é falso, e contrário a legitimidade da ação política presencial. uma pesquisa de opinião bem facil de ser manipulada.

viva a assembléia!

Comentários

imagem de Gestão

Zé, As enquetes NÃO SÃO

Zé,

As enquetes NÃO SÃO amostragens científicas, nem pesquisas. Já estávamos pensando nesse problema, agora o Felipe resolveu. Seu objetivo, contudo, permanece apenas um número exemplificativo, não é para substituir nenhuma "deliberação", rs...

Porém, eu discordo que uma votação no site seja pior que uma votação em assembleia, ou quaquer votação. Por que seria pior? Os argumentos que ouvi até hoje são dois: 1) A votação só votada não tem debate, logo o voto é menos legítimo, e 2) Votações podem ser fraudadas.

Peço que você veja minha contraargumentação, e, se possível, reponda-a e também levante outros problemas da votação.

1) A votação é antecedida por debate sim. Veja este site: as pessoas poderiam entrar e postar suas visões, debater (e fazê-lo calmamente, com todo o tempo e acesso a dados possíveis), debater com outros interessados em debate, e, então, votar. Aliás, o debate que vejo aqui é muito maior do que os da assembleia: lá fica-se com estratégia para fazer a sua proposta ser aprovada (você sabe que existem milhões e milhões de técnicas de aparelhamento) e isso, no site ou pela votação em urna, é bem mais difícil: com efeito, como aparelhar a votação aqui? Qualquer um pode ver o que eu escrevo, analisar, responder, debater.... E, além disso, cabe perguntar porque o voto "sem discussão" é menos legitimo (nem vou entrar no absurdo deste argumento, a saber, que só quem falar poderá votar nas assembleias): uma pessoa não pode ter uma posição consistente sobre algo (será que cabe avaliar a consistência de uma opinião para levá-la em conta?) sem ir à assembleia? Eu já vi assembleias decidindo coisas das quais não faziam a mínima ideia (p. ex., a decisão de uma assembleia recente de REPUDIAR o corte de verbas que não existe... Será que o debate sobre o corte de verbas naquela assembleia legitima os votos?). Assim, eu discordo totalmente desse assembleismo.

2) Votações em papel podem, de fato, serem fraudadas. As digitais são BEM mais difícil... Os programas de segurança são avancadíssimos... Porém, o que é mais fácil: fraudar uma assembleia ou uma votação? Eu acho que aparelhar uma assembleia é muito mais fácil (e já senti, sendo mesa, que a assembleia é uma autogestão bizarra). Aparelhar uma assembleia é uma prática de tal grau comum que chego a perguntar se quem é contra a votação em papel não tem, na verdade, medo do resultado da urna. E este medo não pode ser temido pelo CAF, pois o CAF é uma entidade representativa e não apenas de luta. Ou seja, se os estudantes acharem que a educação pública não deve ser defendida, o CAF não a defenderá. Muitas vezes comete-se a apetição de princípio de achar que o CAF é um instrumento de defesa da educação, enquanto ele é apenas uma entidade representativa (veja que atualmente defendemos a educação, mas isso pode mudar... é apenas um exemplo extremo).

imagem de Euclides Stolf

André. Creio que sua resposta

André.

Creio que sua resposta foi ótima. Não só porque alcansou o cerne das questões mas porque mudou um pouco meu modo de pensar sobre esta tipo de 'enquete'.
Como sempre acho que a iniciativa do caf não foi superficial, e acho que isto que importa quando se argumenta sobre um assunto como a greve.

Mas, acho que existe alguns pontos que eu acho muito interessantes ser debatidas, sobre a assembléia:

Eu, sempre que vou nas assembéias, vejo que realmente é um instrumento que é muito fácil manipulado realmente. Afinal, como o andré falou, os estudantes utilizam-a aparelhando vários grupelhos que acabam por tomar uma decisão que não é democrática. Pois reflete a opinião de uma minoria. OU seja, o que ocorre são assembléias sem representabilidade, sem a real participação das pessoas, pois muitos não acham interessante ou 'não tem mais saco para ir numa assembéia'

Por mais que a falta de representabilidade ocorra há algo que a assembléia nos dá e que eu achei interessante quando abordada por um amigo: Ora, quando tomamos decisões sem o real respaldo dos outros estudantes numa assembléia geral, estamos deslegitimizando aquilo que foi uma conquista democrática, aquuilo que devia ser levada como o único meio de assegurar legalmente um meio de dialogo com a reitoria. Não faz nenhum sentido fazer assembléias desta categoria, pois no fim, irá cada vez mais ser um instrumento facilmente manipulado que reflete a não reflexão, a euforia, a inquocequencia de alguns. Enquanto que deveria ser realmente um intrumento que refletisse o mais alto poder de organização e de crítica.

Por isto não simplesmente ignorar a assembléia como algo sem sentido e sem esperança de melhoras. E ( agora um argumento que eu acho interessante), para que a falta de representabilidade possa diminuir, creio que as assembléias deviam ser guiadas por dados das consultas populares como a enquete criada pelo caf. Ora, antes de decidir alguma coisa numa assembléia, não seria mais interessante entender o que está acontecendo primeiro com o resto dos estudantes? Por isto agora, vendo os argumentos do andré, acho que a enquete é algo a se parabenizar, pois talvez seja um instrumento para causar mais discussão dentro de uma assembléia. Talvez, seja preciso que as assembléias sejam mais dinamicas, nada melhor que pesquisas empíricas para isto,hhehehe

imagem de fflch

Está errado poder votar duas

Está errado poder votar duas vezes, mas o voto é aberto a usuários anônimos, então, se alguém quiser votar diversas vezes -- de diversos computadores -- não há como barrar.

De qualquer modo, bloqueamos o voto repetido para os usuários anônimos de um mesmo computador.
Está valendo para todas as enquetes daqui em diante e mesmo para a atual. Novos votos terão esta restrição por computador (mas não haverá restrição caso dois usuários registrados votem de um mesmo computador).

Isso deve aumentar bastante a confiabilidade das enquetes.

imagem de zecalixto

pois é mas mesmo para

pois é mas mesmo para estatistica é falso pois é possivel votar repetidamente.

imagem de Euclides Stolf

realmente, mas quem votaria 2

realmente, mas quem votaria 2 vezes?

acho que o site trabalha com a confiança das pessoas.

alias, acho que a assembléia trabalha com a confiança também, porque afinal, quem está lá para contar quem realmente é da filosofia? Pra ver quem votou ao mesmo tempo para o sim e para o não?

Acho que como toda a estátistica nós devemos lidar simplesmente com a confiança, e esperar que as pessoas sejam do modo que elas são. Se não seria impossível fazer um qualquer senso de qualquer coisa.

imagem de Euclides Stolf

Talvez o maior problema da

Talvez o maior problema da enquete é que ela simplifica demais. Talvez o problema da greve não seja tão simples para ser decidido com o sim ou o não. Talvez, mesmo a decisão de se opor simplesmente a greve seja um emprobrecimento, afinal devemos pensar que há muitas excessões e problemas. Afinal, parece que tudo esta levando ao aluno se posicionar contra a greve, mas na verdade talvez esta posicionamento não esteja tão embasado. Porque, nós estamos lutando contra a polícia, ou contra aquilo que realmente nos concerne: a deteriorização da educaçao.

Para ser simples: a filosofia está aqui nào para resolver este problema, mas para o ampliar.

Por isto não votei... mas creio que é um instrumento legitimo de estatistica. Afinal, mede pelo menos o clamor das pessoas que utilizam este site.